‘Pai do Pix’ vai para o Opportunity

‘Pai do Pix’ vai para o Opportunity


João Manoel Pinho de Mello, o ex-diretor do Banco Central que esteve à frente do projeto do Pix, vai se juntar à área de análise de empresas do Opportunity em agosto, quando sua quarentena acabar.

João foi diretor de organização do sistema financeiro e resolução do BC de 2019 até fevereiro deste ano. A quarentena é de seis meses.

João já havia trabalhado como consultor para a gestora de Dório Ferman de 2005 a 2013. Depois, se associou a outra casa, a Pacífico, criada por analistas que trabalharam no Opportunity.

“O Opportunity é uma casa que admiro pela qualidade intelectual e pela dedicação à análise fundamentalista”, João disse ao Brazil Journal. Ele vai trazer à análise das empresas seu background de estudos de microeconomia aplicada, com foco em economia bancária.

João é formado em administração pela FGV-SP, tem mestrado em Economia pela PUC-Rio e é Ph.D em Economia pela Universidade de Stanford. Ele também é professor titular do Insper.

Em 2016, João saiu da Pacífico para uma temporada de estudos no exterior. Um ano depois, atendendo a um convite de Henrique Meirelles, foi para o Ministério da Fazenda, onde chefiou a assessoria de reformas microeconômicas, foi Secretário de Produtividade e Promoção de Concorrência e também Secretário de Política Econômica.

“Trabalhar no governo e ter a experiência com políticas públicas é um sonho de quase todos os economistas,” disse ele.

Em 2019, João foi para o BC atendendo a um convite do presidente Roberto Campos Neto. Ele deixou o governo por razões pessoais e por entender que completou seu ciclo, com a experiência de acompanhar os temas de competição bancária e meios de pagamento.





Source link

Leave a Reply

Your email address will not be published.

Main Menu