O ChatGPT é um risco para o Google?

O ChatGPT é um risco para o Google?



O ChatGPT está ganhando popularidade e atraindo atenção nos últimos meses.  O modelo de inteligência artificial processa e analisa uma enorme quantidade de dados e responde perguntas aos usuários em linguagem natural, como se fosse um ser humano.

Naturalmente, uma tecnologia assim tende a ser disruptiva para inúmeras indústrias – inclusive para o Google, o maior oráculo do mundo contemporâneo.

Mas segundo o Morgan Stanley, o sucesso da ferramenta não representa uma ameaça substantiva para o search engine – mas pode levar a uma redução nas margens da Alphabet, a dona do Google, no longo prazo.

“O interesse crescente em AI e em agregadores online de próxima geração pode forçar o Google a acelerar o desenvolvimento de seu próprio modelo de linguagem natural (o LaMDA),” escreveu o banco.

“Vemos isso provavelmente levando a um capex significativamente maior e margens operacionais menores. O risco de disrupção para o Google é na lucratividade.”

Segundo o Morgan Stanley, o custo por pesquisa no ChatGPT gira em torno de US$ 0,02 — 7x maior que o custo que o Google tem hoje por cada uma de suas pesquisas.

Isso acontece porque o poder computacional necessário para armazenar, analisar e compilar uma grande quantidade de texto – em respostas num formato de linguagem natural – é muito grande.

“Ainda que esses custos provavelmente tendam a cair com o tempo (com o aumento da eficiência do modelo), por enquanto esses custos são altíssimos,” diz o relatório.

O Morgan Stanley calcula que o custo por pesquisa do Google é de cerca de US$ 0,003. “Mas ele pode ser ainda menor, já que usamos o capex total com infraestrutura técnica do Google para calcular o custo, e esse capex inclui os equipamentos de data centers necessários para suportar o Youtube e o Google Cloud Platform.”

O banco nota que o custo por pesquisa do Google vem subindo nos últimos anos conforme ele investe e integra ao seu mecanismo de busca mais ferramentas de inteligência artificial. “Mas ele continua uma fração do custo do ChatGPT.”

Os analistas do banco tentaram estimar o impacto que a migração das pesquisas do Google para pesquisas com AI e inteligência artificial teria para as margens da companhia.

O resultado é relevante: a cada 10% das pesquisas do Google que migrarem para esse formato, o opex da companhia aumentaria entre US$ 600 milhões e US$ 11,5 bilhões (dependendo das palavras por pesquisa) — e a Alphabet perderia 1,5 ponto percentual em sua margem operacional no ponto médio dessa faixa.

Outro risco, na visão do Morgan Stanley, é que a Alphabet não consiga monetizar as pesquisas com modelos de AI e linguagem natural da mesma forma que as pesquisas pagas do Google.

“Isso conversa com o desafio do Google de continuar inovando e liderando o mercado ao mesmo tempo em que protege e entrega free cash flow para seus investidores num ambiente macroeconômico mais fraco e de menor crescimento no setor de ads.”




Source link

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Main Menu