Cencosud compra Giga e entra em São Paulo

Cencosud compra Giga e entra em São Paulo


Depois de anos perdendo share de mercado no Brasil, a rede chilena Cencosud acaba de comprar o grupo Giga, uma rede de atacarejo com 10 lojas em pontos estratégicos e de alto fluxo da Grande São Paulo.

A Cencosud pagou R$ 500 milhões pelo Giga, o equivalente a 0,33x a receita da empresa, que faturou R$ 1,5 bilhão em 2021.

O múltiplo é em linha com outros deals do mercado de atacarejo, mas um pouco abaixo do múltiplo de Assaí e Grupo Mateus hoje na Bolsa (0,55x a receita e 0,5x, respectivamente).

Uma fonte do setor disse que o negócio do Giga era “muito bem tocado, com métricas boas de faturamento por loja e rentabilidade.”

Além das lojas, o Giga também é dono de um centro de distribuição que fica no entorno da cidade.

O movimento surpreendeu o mercado dado que a Cencosud estava adotando uma postura mais passiva nos últimos anos no Brasil, lutando para rentabilizar sua operação.

A rede, que era a quarta maior do ranking Abras em 2017 com um faturamento de R$ 8,5 bilhões, caiu para a oitava posição no ranking deste ano, com um faturamento praticamente igual (R$ 9,1 bilhões).

A rede chilena é dona de seis marcas regionais no Brasil e tem presença forte no Nordeste e no Rio de Janeiro. O portfólio inclui Prezunic, GBarbosa, Bretas, Mercantil Rodrigues, Perini e Spid.

No ano passado, a Cencosud tentou abrir o capital da operação brasileira, mas acabou desistindo quando o mercado fechou.

A decisão da família Nassar de vender o Giga parece ter a ver com a dinâmica recente do mercado de atacarejo, um dos que mais cresce no varejo.

“Isso tem atraído muitos players para esse mercado e aumentado bastante a concorrência,” disse outra fonte. “Eles [a família Nassar] se viram numa posição em que precisavam decidir se iam tomar mais risco, acelerar o crescimento para manter sua posição de referência no setor, ou se saíam de vez do jogo.”

A transação ainda precisa ser aprovada pelo CADE, mas dado que a Cencosud não tinha presença em São Paulo, não deve haver grandes obstáculos.

A BR Partners assessorou o Giga.

O Cencosud não teve assessor financeiro.



Source link

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Main Menu